2-3 pontos, Bolo, Chocolate

Um bolo para Amanda

Ontem antecipamos a comemoração do aniversário de Amandex.  Chegamos de surpresa com bolo, suco e balões.
O bolo foi esse, com algumas modificações. O leite foi desnatado, o iogurte foi grego e antes de colocar o açúcar usei uma calda de chocolate.
20 fatias de 2,5 pontos
(115,4cal, 2,9gtot, 27,0carb, 3,2prot e 0,4fibra)
Vitória da Conquista, 2012.
Anúncios
4-5 pontos, Chocolate, Menos de 2 pontos

Cupcakes da Suzanne com um toque meu!

Comprei forminhas para cupcakes num bazar pela net e a primeira dona me passou essa receita, do blog dela.  Bilíngue porque a fofa é francesa!
Modifiquei, porque afinal meu marido é chocólatra, então, tirei 50g de farinha de trigo e substituí por 50g chocolate em pó com 55% de cacau.
Pra cobrir fiz um brigadeiro mole, igual a receita que dei aqui, só que não deixei dar ponto de enrolar.
Ficou delicioso, mas como é meio pontudinho, comemos eu e marido e o resto dividi com os funcionários do bar em que eu canto toda semana! 
8 cupcakes médios de 4,8pontos
(221,7cal, 7,7gtot, 34,4carb, 3,8prot e 1,5fib)
6 cupcakes minis de 1,6pontos
(73,9cal, 2,6gtot, 11,5carb, 1,3prot e 0,5fib)
Vitória da Conquista, 2012.
Chocolate, Menos de 2 pontos, Sobremesa

Brigadeiro

Eu não posso com leite condensado, porque ataca minha enxaqueca, mas de vez em quando eu ignoro esse fato e como um brigadeiro.

Essa semana fiz alguns pra vender num evento cultural que rolou por aqui, e como brigadeiro é baratinho em pontos e ninguém acredita, segue a receita.

1 lata de leite condensado dos bons (aqueles mais cremosos)
2 colheres (sopa) cheias de chocolate em pó 55% cacau
1 colher (sopa) margarina light
Granulado para cobrir
            – coloque todos os ingredientes numa panela e leve ao fogo baixo, mexendo sempre com um batedor de arame para não empelotar ou grudar no fundo da panela.  Quando começar a soltar do fundo (ou quando ao passar uma colher da borda para o centro do doce, o brigadeiro demore a cobrir de novo o fundo da panela) despeje sobre um prato e deixe esfriar.  Faça bolotas com a mão untada com o mínimo possível de margarina light, jogue numa vasilha com granulado, e depois coloque em forminhas.  Essas forminhas são número 4, e os brigadeiros ficam bem gordinhos.

25 brigadeiros de 1,2 pontos
(55,6cal, 1,5gtot, 9,2carb, 1,2prot e 0,1fibra)

Vitória da Conquista, 2012.

Acima de 6 pontos, Bolo, Chocolate

Torta de Chocolate Nestlé

Ontem festejamos o aniversário de Mila e como ela curte um chocolatinho fiz essa torta.  Originalmente minha sogra copiou a receita de uma caixa de chocolate Nestlé (dos Frades) e ela é a torta oficial dos aniversários do meu marido.  Ele concordou em dividir com Miloca esse privilégio.  Parabéns amiga!
Bolo
3 ovos
1 1/2 xícara (chá) farinha de trigo com fermento
3/4 xícara (chá) chocolate em pó (eu prefiro cacau em pó)
3/4 xícara (chá) leite desnatado
3 colheres (sopa) margarina light
3/4 xícara (chá) açúcar
            – faça a massa normalmente, leve pra assar em forno baixo. Quando assar, retire, deixe ficar morna e corte ao meio.  Reserve.
Calda
2 xícaras (chá) leite desnatado
4 colheres (sopa) chocolate em pó
4 colheres (sopa) açúcar refinado
1 dose de licor de chocolate ou outro da sua preferência
            – misture o leite, o açúcar e o chocolate, leve ao fogo baixo e deixe ferver por três minutos.  Desligue o fogo e misture o licor.  Use para regar as duas partes do bolo.
Recheio e Cobertura
3 gemas
200g manteiga sem sal
1 xícara (chá) açúcar refinado
6 colheres (sopa) chocolate em pó
1 lata de creme de leite sem soro
1 dose de licor de chocolate ou outro da sua preferência
            – bata as gemas e o açúcar até virar um creme fofo e claro, alternando junte o chocolate e o creme de leite. Por último o licor.  Use para cobrir e rechear a torta.
Montagem
Podemos fazer isso de duas formas, congelando ou não.  Se congelar fica bem mais saboroso.  Coloque uma das metades do bolo dentro da assadeira forrada com filme plástico. Regue bem com a calda.  Cubra com metade do recheio/cobertura e uma barra de chocolate meio amargo picado, mantenha a outra metade na geladeira, esse recheio/cobertura não tem durabilidade longa, portanto se a torta for ficar congelada por muito tempo, faça metade da receita apenas.  Coloque a outra metade do bolo sobre tudo isso, molhe com o resto da calda, cubra com filme plástico e congele.  Pode ser congelado por até três meses, mas pode ser como eu fiz, de um dia pro outro só.  Descongele o bolo na parte de baixo da geladeira, pra não correr o risco de estragar (vai demorar umas doze horas, mais ou menos).  Retire da geladeira, cubra com o restante do recheio/cobertura.  Salpique com outra barra de chocolate meio amargo picado e volte pra geladeira.  Deixe fora da geladeira por uns 30 minutos antes de servir.
18 fatias de 7,3 pontos
(308,7 cal, 16,3gtot, 37carb, 4,5prot e 1,3fibra)
Vitória da Conquista, 2012. 
5-6 pontos, Acima de 6 propontos, Bolo, Chocolate

Torta Mousse de Chocolate

Hoje decidi que já “reaprendi” o suficiente pra voltar a fazer as sobremesas semanais.  Comecei com essa receita aqui, e ficou delicioso.
As únicas alterações foi os ovos que eram normais e o leite que era integral, de resto os ingredientes foram todos iguais.  Já no modo de fazer eu cortei o bolo em duas partes, forrei a forma, molhei com a calda, cobri com a mousse (sem adição de bolo), deixei descansar por 15 minutos e cobri com a outra parte do bolo.  Levei pra gelar por uma hora, desenformei e cobri com a ganache. Voltei pra geladeira até servir. Delícia demais.
16 fatias de 5,9 pontos
16 fatias de 7,3 propontos
(246,2cal, 14,6gtot, 23,0carb, 5,0prot e 1,2fibra)
Vitória da Conquista, 2012.
2-3 pontos, 3-4 propontos, Bolo, Chocolate

Bolo Fofíssimo de Chocolate

Mais uma receitinha da minha musa Rita Lobo, que na verdade não é dela, mas está no livro do Panelinha, que ela editou e escreveu lindamente, hehe.
1 xícara (chá) açúcar
1 xícara (chá) chocolate em pó
4 ovos
200g margarina light
2 xícaras (chá) farinha de trigo
1 xícara (chá) água
1 colher (sopa) fermento em pó
           – peneire juntos o açúcar e o chocolate, delicadamente misture os ovos, um a um. Bata vigorosamente até sair o cheiro, junte a margarina, bata até ficar fofo. Alternadamente junte a farinha e a água. Por último junte o fermento.  Leve para assar em forno pré-aquecido a 180°C, numa forma de furo no meio, untada e enfarinhada.  Asse até que o palito saia limpo quando espetado na massa.
24 fatias de 2,7 pontos
24 fatias de 3,5 propontos
(118cal, 4,4gtot, 17,2carb, 2,5prot e 0,2fibra)
Vitória da Conquista, 2012.
3-4 pontos, Chocolate, Sobremesa

Torta Mississipi Mud

Diz Gordon que essa torta leva esse nome porque o recheio de chocolate, parece a lama das margens do Rio Mississipi.

Se parece ou não eu não sei, só sei que é gostosa, boa e tem uma pontuação justa.

Além de ter deixado Fernando feliz!!!

Base
100g biscoito maisena de chocolate
30g margarina light
30g amaro
            – derreta o chocolate com a margarina, em banho maria.  Coloque os biscoitos num saco, feche, bata ou passe um rolo sobre eles, até ficarem picadinhos.  Misture biscoitos e chocolate derretido até homogeneizar.  Forre o fundo de uma forma e leve a geladeira por 30minutos.

Recheio
90g amaro
90g margarina light
2 ovos
45g açúcar mascavo
45g açúcar cristal
60ml creme de leite light
            – derreta o chocolate com a margarina em banho maria. Bata os ovos com os açúcares até ficar espesso, fofo e dobrar de tamanho.  Junte o creme de leite, homogeneíze bem. Acrescente o chocolate derretido e misture com o batedor de arame (ou um garfo).  Espalhe sobre a base de biscoito e leve ao forno por 30 minutos (pré-aquecido, 200 ºC).

Cobertura
100ml mistura para chantilly (usei amélia)
adoçante a gosto
30g lascas de amaro para decorar
            – bata o creme em ponto de chantilly, misture o adoçante.  Espalhe sobre a torta assada e fria.  Decore com lascas de chocolate e leve a geladeira. Retire da geladeira ao menos 30minutos antes de servir para que o recheio amoleça e pareça mesmo a laminha das margens do Mississipi.

16 fatias de 3,6pontos.
16 fatias de 4 propontos.

Vitória da Conquista, 2012.